A MALDADE HUMANA

RESPOSTA DE ANNE GRAHAN A TV AMERICANA SOBRE A MALDADE HUMANA

Finalmente a verdade foi dita na TV Americana.

A filha de Billy Graham estava sendo entrevistada no Early Show e Jane Clayson perguntou a ela: "Como é que Deus teria permitido algo horroroso assim acontecer no dia 11 de setembro de 2002?"

Anne Graham deu uma resposta profunda e sábia: "Eu creio que Deus ficou profundamente triste com o que aconteceu, tanto quanto nós.

Por muitos anos temos dito para Deus não interferir em nossas escolhas, sair do nosso governo e sair de nossas vidas.

Sendo um cavalheiro como Deus é eu creio que Ele calmamente nos deixou. Como poderemos esperar que Deus nos dê a sua benção e a sua proteção se nós exigimos que Ele não se envolva mais conosco?"

À vista de tantos acontecimentos recentes; ataque dos terroristas, tiroteio nas escolas e outras coisas...

Eu creio que tudo começou desde que Madeline Murray O'hare (que foi assassinada), se queixou de que era impróprio se fazer oração nas escolas Americanas como se fazia tradicionalmente, e nós concordamos com a sua opinião.

Depois disso, alguém disse que seria melhor também não ler mais a Bíblia nas escolas... A Bíblia que nos ensina que não devemos matar, roubar, e devemos amar o nosso próximo como a nós mesmos. E nós concordamos com esse alguém.

Logo depois o Dr. Benjamin Spock disse que não deveríamos bater em nossos filhos quando eles se comportassem mal, porque suas personalidades em formação ficariam distorcidas e poderíamos prejudicar sua autoestima (o filho dele se suicidou) e nós dissemos: "Um perito nesse assunto deve saber o que está falando". 

E então concordamos com ele.

Depois alguém disse que os Professores e Diretores das Escolas não deveriam disciplinar nossos filhos quando se comportassem mal. 

Então foi decidido que nenhum Professor poderia disciplinar os alunos... (há diferença entre disciplinar e tocar).

Aí, alguém sugeriu que deveríamos deixar que nossas filhas fizessem aborto, se elas assim o quisessem. E nós aceitamos sem ao menos questionar. 

Então foi dito que deveríamos dar aos nossos filhos tantas camisinhas, quantas eles quisessem para que pudessem se divertir à vontade. E nós dissemos: Está bem!"

Então alguém sugeriu que imprimíssemos revistas com fotografias de mulheres nuas, e disséssemos que isto é uma coisa sadia e uma apreciação natural do corpo feminino. 

E nós dissemos: "Esta bem, isto é democracia, e eles tem o direito de ter liberdade de se expressar e fazer isso".

Depois uma outra pessoa levou isso um passo mais adiante e publicou fotos de crianças nuas e foi mais além ainda, colocando-as à disposição da internet. 

Agora nós estamos nos perguntando por que nossos filhos não têm consciência e por que não sabem distinguir o bem e o mal, o certo e o errado; 

Por que não lhes incomoda matar pessoas estranhas ou seus próprios colegas de classe ou a si próprios...

Provavelmente, se nós analisarmos seriamente, iremos facilmente compreender: nós colhemos só aquilo que semeamos!

Uma menina escreveu um bilhetinho para Deus: "Senhor, por que não salvaste aquela criança na escola?" A resposta dEle: "querida criança, não Me deixam entrar nas Escolas!"

É triste como as pessoas simplesmente culpam a Deus e não entendem porque o mundo está indo a passos largos para o inferno.

É triste como cremos em tudo que os Jornais e a TV dizem, mas duvidamos do que a Bíblia, do que O Deus que nos falamos que seguimos, ensina.

É triste como alguém diz: "eu creio em Deus". Mas ainda assim segue a satanás, que, por sinal, também "crê" em Deus.

É impressionante como somos rápidos para julgar mas não queremos ser julgados!

Como podemos enviar centenas de piadas pelo whatsApp, pelo facebook, pelo email, e elas se espalham como fogo, mas, quando tentamos enviar uma mensagem falando de Deus, por algum desses veículos, as pessoas têm medo de compartilhar e reenviá-los a outros! 

É triste ver como o material imoral, obsceno e vulgar corre livremente na internet, mas uma discussão pública a respeito de Deus é suprimida rapidamente na Escola e no trabalho. 

Você mesmo pode não querer COMPARTILHAR esta mensagem a muitos de sua lista de amigos porque você não tem certeza a respeito de como a receberão, ou do que pensarão. Não é verdade?


Interessante que nós nos preocupamos mais com o que as outras pessoas pensam a nosso respeito do que com o que Deus pensa... 

Mas, fique tranquilo! 

Se você não compartilhar não vai lhe acontecer nenhum mal por causa disto, nem o contrário também por você enviar. 

Se você não enviar, o máximo que pode acontecer é outra pessoa enviar no seu lugar e você perder mais essa oportunidade de falar sobre como é boa uma vida convicta da presença de Deus.

Que Deus Em Cristo Nos Abençoe!

Colaborador: Pr. Eduardo Brasil

Visite também TRABALHO EM CASA...>>>aqui<<<

Se Deus é por nós, quem será contra nós.

Obrigado pela visita.

Ouça este lindo louvor!


Hilário Filho - Cristianismo e Marketing

RECUSA DE CONVITES

A recusa de convites para uma festa de aniversário ou casamento por alguém da família, ou mesmo por um amigo que consideramos muito nos causa muitos sentimentos ruins, pois gostaríamos que todos participassem da festa.

A recusa de convites
A Recusa de Convites
Quando pensamos em comemorar um aniversário, ou festejar um casamento de um filho, ou filha, a primeira coisa que pensamos é na organização da festa.

Procuramos uma gráfica e pedimos a confecção dos convites de acordo com a quantidade de pessoas ou famílias a serem convidadas.

Assim que são confeccionados os enviamos para parentes e amigos que consideramos aptos a participarem dos festejos, e não admitimos a recusa de convites por parte dos escolhidos.

TEXTO: Lucas, 14 :16 - 24 e Mateus, 22 : 1 - 14.
Obs.: Os textos bíblicos citados acima estão no final do artigo.

De acordo com o texto bíblico os convites foram enviados para três tipos de pessoas.

→ O primeiro tipo de pessoa a receber o convite foi:

·         O POVO DE DEUS, Lucas, 14 - V. 18-20.


Quando falo em povo de Deus estou me referindo ao povo Israelita, descendentes de Abraão, e que foram escolhidos como filhos de Deus através do patriarca Abraão. E, assim todos os que nasceram de seus descendentes foram considerados povo de Deus, portanto não era esperado a recusa de convites por parte de ninguém.

a.    Conforme o texto bíblico, a recusa do convite foi devido estarem preocupados com o lazer, (investindo no futuro), sítio, casa de praia, etc., (vers.18). Se pensamos no futuro deveríamos investir em Deus, conforme (Proverbios, 19:17; 28:27; 22:9).

Você já ouviu muitas pessoas em uma determinada época da vida dizer que já tem a casa própria, o carro do ano, o filho está cursando a faculdade x e y, e que após a formatura dele vai comprar um sítio, ou uma casa de praia para curtir a vida nos finais de semana.

Pois é, eu já ouvi muito isto.
Mas, dizer que vai investir na obra de Deus isto é muito difícil de ouvir.

b.      Estavam preocupados com o lucro, (veículos, máquinas, etc..) Lucas 14, v.19.
Já os comerciantes, empresários, ou profissionais liberais estão preocupados em  que vão investir o dinheiro que ganharam. Os comerciantes procuram investir na expansão de seu comércio. Os empresários procuram investir no crescimento de suas empresas, suas fábricas, fazendas, etc.

c.       Estavam preocupados com a família, (filhos, formação profissional).

Os menos favorecidos procuram investir na família, na escola dos filhos, pois desejam ver os filhos formados, pois é um sonho devido não haver conseguido ser bem sucedido nos estudos, na profissão, e sendo assim se realizam vendo os filhos formados, com boa profissão, bem sucedido, etc..

→ O segundo tipo de pessoa a receber o convite foi:

·         O POVO QUE ESTAVA FORA DA IGREJA, V. 21.

  Devido a recusa de convites do povo de Deus, os convites foram enviados para:
a.       Pobres nos subúrbios, e nas favelas.

Nos subúrbios e nas favelas são encontradas muitas pessoas que são muito pobre, falta até casa para morarem, aí constroem barracos e formam as favelas, hoje denominadas de comunidades, estas pessoas em sua maioria se entregam aos vícios, e não dão a mínima atenção para a igreja de Jesus, mas precisam de uma atenção por parte dos cristãos, pois Cristo também morreu por eles.

b.      Pobres de espíritos, (Mateus, 5:3), reconhecer a pobreza espiritual e procurar a graça de            Deus.

Estes são aqueles que têm sede de Deus, pessoas honestas, trabalhadoras, cumpridoras de seus deveres, mas por falta de oportunidade de ouvir o evangelho permanecem em seu mundinho até que alguém enviado por Deus leva a palavra e ele recebe com amor.

Veja mais sobre este assunto clicando aqui<<<
c.       Aleijados, vejo estes como pessoas que perderam a razão de viver. Perdeu o pai, mãe, marido, casa, esperança de viver, etc..

São aqueles que devido às desgraças da vida ter lhes alcançados desde seus avós, atingiu os pais, e agora está atingindo-os por diversos motivos como: falta de oportunidades, ou não aproveitar as oportunidades, ou até mesmo as más companhias.

d.      Mancos, visitam e ouvem a palavra, mas não se firmam na igreja, (Levíticos, capítulo 21:18 - 21). No Velho Testamento eles estavam proibidos de participarem dos trabalhos do templo.

Vejo estes como aqueles que chegam à igreja e aceitam a fé, participam de cultos, ouvem a palavra, mas o mundo lhe oferece coisas que para ele é prazeroso e não há na igreja, e terminam escolhendo o mundo e renunciando ao evangelho da cruz.

e.      Cegos, pessoas largadas nas calçadas, nos becos, sem visão física ou espiritual, sentem prazer no pecado, não enxergam o estado de miséria em que estão.

Infelizmente temos muitos que o mundo conseguiu cegá-los, você prega o evangelho, ele ouve com os ouvidos e não com o coração, estão cauterizados pelo pecado e não enxergam o caminho que estão seguindo.

A própria igreja moderna tem colaborado com esta cegueira, pois as grandes igrejas enriqueceram com o dinheiro dos miseráveis, enquanto eles continuam cada dia mais pobre. 

Com a desculpa de quem não der dízimo não entra no céu. Antes pregávamos que a salvação está na crucificação de Cristo, no sangue derramado na cruz, mas durante os trinta e cinco anos que tenho de cristão já ouvi muitas vezes que aquele que não dizima vai para o inferno, e diante disto muitos deixam de pagar contas para dar o dízimo e ficam devendo outras contas como luz, água, etc..

Se o não dizimista não entra no céu, os apóstolos de Jesus não entraram, pois ainda não encontrei um versículo que confirmasse que eles dizimavam.

Estas coisas tem afastado muitos da igreja, são os miseráveis, pobres de espírito, tem sede de Deus, mas são rejeitados por falta de condições financeiras, cuidados pessoais, e familiares, etc..

→ O terceiro tipo de pessoa a receber o convite foi:
·        O POVO REPROVADO PELA SOCIEDADE E PELA IGREJA,   
      Lucas, 14 - V.23.
Devido à recusa de convites do povo de Deus, e a quantidade de lugares a serem preenchidos os convites foram enviados para:

a.       Os drogados, bêbados, e mendigos que estavam nos caminhos.

São nos caminhos que encontramos os viciados, os mendigos largados, e entregues às drogas, sem condições de vida. Estão abandonados pela família e pela sociedade, simplesmente aguardando a morte física, pois espiritualmente já estão mortos.

Os religiosos, em sua maioria, simplesmente os ignoram, pois estes dão muito trabalho, e gasto financeiro para recuperá-los e devolvê-los para a sociedade.

b.      Os párias: pessoas sem solução.
Estes também estão abandonados pela sociedade, bem como pelo sistema religioso, pois são pessoas que infelizmente aos olhos humanos não há solução para eles, mas como sabemos Jesus nunca abandonou ninguém que buscasse ajuda junto a ele, atendeu a todos, e continua atendendo.

Para nós são pessoas irrecuperáveis, mas para Deus são simplesmente pessoas que carecem de amor e cuidados especiais, no entanto é um desafio para nós cristãos.

c.       Os ladrões, enganadores, estupradores, assassinos, sequestradores nos atalhos.

Aqui encontramos os reprovados pela sociedade, e pelo sistema religioso, pois escolheram a vida fácil, e muitos tem problemas que os levam a estuprarem pessoas em sua maioria crianças, e jovens.

São pessoas que estão cegas espiritualmente, acham que não tem salvação para eles, e assim os religiosos simplesmente os ignoram deixando para que o governo os recupere, o que não ocorre por falta de investimento e leis governamentais em favor da recuperação deles, pois fica caro e ninguém quer investir.

São pessoas que aos olhos humanos estão caminhando para o inferno, mas vimos acima que Jesus manda buscá-los para que o céu se encha, pois Jesus morreu por cada um deles. Portanto, não devemos julgá-los, (Mateus, 7:1-2).


Que lições podemos tirar do exposto acima?
a.       Não éramos povo de Deus, mas a rejeição dos judeus nos colocou em posição privilegiada, fomos chamados a participar do reino.

b.      O chamado dos gentios demonstra que há esperança para todos, inclusive eu e você.
Não há acepção de pessoas, (Mateus, capítulo 11: 28). “Vinde a mim todos os que estais cansados e oprimidos e eu, Jesus, vos aliviarei”.

·         CONCLUSÃO
Os convites foram enviados através dos profetas e aceitos, mas quando chegou o rei, houve a recusa de convites, (João, cap. 1, vers.11), “Veio para o que era seu, e os seus não o receberam,”

Diante da recusa de convites, Deus convida a todos, eu, você, e todo tipo de pessoa conforme o exposto acima, portanto, como cristãos devemos nos envolver com o reino seja investindo em missões, ou em clínicas de tratamentos para que os rejeitados tenham a oportunidade de serem alcançados para Deus, bem como para a sociedade.

Um dia Deus vai nos chamar para a festa das bodas de seu filho Jesus Cristo, e, isto nos leva a pensar se estamos prontos para participarmos da festa.

Assim como Jesus convidou aqueles do texto bíblico, ele convida-nos a aprontarmo-nos para a festa das bodas do cordeiro.

Viva hoje como se a festa fosse amanhã, mas sempre com as vestes adequadas, conforme (Mateus, 22: 11.12, e Apocalípse, 7: 14b).

PARA CONCLUIR OUÇA UM LINDO LOUVOR GOSPEL




TEXTO BÍBLICO
·        Lucas, Capítulo 14, vers. 16 – 24
16  “Porém, ele, (JESUS), lhe disse: Um certo homem fez uma grande ceia, e convidou a muitos.
17  E à hora da ceia mandou o seu servo dizer aos convidados: Vinde, que já tudo está preparado.

18  E todos à uma começaram a escusar-se. Disse-lhe o primeiro: Comprei um campo, e importa ir vê-lo; rogo-te que me hajas por escusado.
19  E outro disse: Comprei cinco juntas de bois, e vou experimentá-los; rogo-te que me hajas por escusado.

20  E outro disse: Casei, e portanto não posso ir.
21  E, voltando aquele servo, anunciou estas coisas ao seu senhor. Então o pai de família, indignado, disse ao seu servo: Sai depressa pelas ruas e bairros da cidade, e traze aqui os pobres, e aleijados, e mancos e cegos.

22  E disse o servo: SENHOR, feito está como mandaste; e ainda há lugar.
23  E disse o senhor ao servo: Sai pelos caminhos e valados, e força-os a entrar, para que a minha casa se encha.
24  Porque eu vos digo que nenhum daqueles homens que foram convidados provará a minha ceia.”

·         Mateus, Capítulo 22, vers. 01 – 14
1 “ ENTÃO Jesus, tomando a palavra, tornou a falar-lhes em parábolas, dizendo:
O reino dos céus é semelhante a um certo rei que celebrou as bodas de seu filho;
E enviou os seus servos a chamar os convidados para as bodas, e estes não quiseram vir.

Depois, enviou outros servos, dizendo: Dizei aos convidados: Eis que tenho o meu jantar preparado, os meus bois e cevados já mortos, e tudo já pronto; vinde às bodas.
Eles, porém, não fazendo caso, foram, um para o seu campo, outro para o seu tráfico;
E os outros, apoderando-se dos servos, os ultrajaram e mataram.

E o rei, tendo notícia disto, encolerizou-se e, enviando os seus exércitos, destruiu aqueles homicidas, e incendiou a sua cidade.
Então diz aos servos: As bodas, na verdade, estão preparadas, mas os convidados não eram dignos.
Ide, pois, às saídas dos caminhos, e convidai para as bodas a todos os que encontrardes.
10  E os servos, saindo pelos caminhos, ajuntaram todos quantos encontraram, tanto maus como bons; e a festa nupcial foi cheia de convidados.

11  E o rei, entrando para ver os convidados, viu ali um homem que não estava trajado com veste de núpcias.
12  E disse-lhe: Amigo, como entraste aqui, não tendo veste nupcial? E ele emudeceu.
13  Disse, então, o rei aos servos: Amarrai-o de pés e mãos, levai-o, e lançai-o nas trevas exteriores; ali haverá pranto e ranger de dentes.
14  Porque muitos são chamados, mas poucos escolhidos.”


Receba atualizações e dicas simples e grátis sobre os assuntos do blog inscrevendo-se >>>Aqui<<<

Se possível curta Cristianismo e Marketing clicando >>AQUI<<<

Te aguardo no próximo artigo

Desejo-lhe Um Bom Dia, e Boa Leitura


Disse Jesus: Sou o Caminho... Portanto siga por este caminho e serás feliz.

LEIA A BÍBLIA

Se Deus é por nós. Quem será contra nós?



Gostou do artigo? Abaixo há a opção de compartilhar.

Tweetar

VISITE MEU BLOG SOBRE TRABALHO EM CASA CLICANDO >>>AQUI<<<